O Trio de Ouro das Uvas Brancas do Douro


PORTUGAL DOURO 1

Eis o fantástico Douro. O rio que começa na vizinha Espanha lá banha duas importantes áreas vitícolas, Ribera del Duero e Toro. Ao chegar em Portugal desce por vales encantados até desaguar no Atlântico entre Gaia e Porto.

Velho conhecido dos Romanos que por ali iniciaram sua presença de 500 anos na península ibérica. E com eles as primeiras vinhas. O Azeite e as Amêndoas foram trazidas pelos Mouros. 

Entretanto, foram os ingleses que tornaram os vinhos do Douro mundialmente conhecidos. Os vinhos viajavam mal do Douro à Inglaterra. Muitos chegavam lá estragados.

Qual a solução?

A solução foi a introdução no início da fermentação do mosto de aguardente vínica que estanca processo de fermentação nos trazendo os famosos vinhos licorosos ou fortificados do Porto que fizeram e fazem o sucesso e marcam com letras de ouro esta região no livro dos grandes vinhos.

 O VINHO DO PORTO, SUA ORIGEM, HISTÓRIA E CLASSIFICAÇÃO 

Hoje, a região não vive só dos famosos vinhos do Porto tinto e branco.

Nos últimos tempos os vinhos tranquilos com mais destaque aos tintos,  ganharam, nas últimas décadas, importante destaque. 

Entretanto, os menos conhecidos vinhos brancos do Douro vêm conquistando seu devido destaque.

O Douro é pouco conhecido pelos seus inebriantes vinhos brancos. Mais leves, menos impositivos que os brancos andinos mais conhecidos dos consumidores brasileiros.

São mais delicados, perfumados e elegantes. Quatro das principais uvas são:

VIOSINHO – A ACIDEZ DESEJADA

UVA VIOSINHO

Pois bem, esta casta é nativa do Douro Superior e, alguns dizem, ser originária de Trás-os-Montes. Uma região que fica acima do Douro Superior, na fronteira com a Espanha.

Antiga casta proveniente de maneira esparsa em vinhedos muito antigos. Hoje, repaginada, revista e revigorada. Ela trás aos vinho do Porto Branco, principalmente, a acidez necessária. 

Origina, em versão varietal, muito rara ou inexistente, muita força em acidez e aromas florais. Mas, em corte um dos equilíbrios necessários a um bom vinho, acidez e aromas.

Como produz pouco, um verdadeiro desafio aos produtores e é muito suscetível às doenças da umidade ela é plantada em pequenas parcelas nos locais mais quentes e ensolarados dos socalcos do Douro.

GOUVEIO – O PERFUME

UVA GOUVEIO 1

A Gouveio chamada assim no Minho e Verdelho Douro, Trás-os-Montes e recentemente no Alentejo aonde vem dando conta do proposto. Há no Douro a confusão de nomes com outra Verdelho aquela uva quase nativa da Ilha da Madeira e Açores, eis que lá estão trazidas pelos missionários.

A Gouveio ou Verdelho como é chamada no Douro e onde faz parte do corte tradicional das uvas que fazem parte do Douro licoroso branco. A Gouveio ganha o nome de Godello. Na vizinha Galícia foi extinta na década de 70, hoje é a menina dos olhos de muitos produtores da região e do norte de Portugal, Minho e Douro.

Seus vinhos têm aromas de frutos de polpa branca, maçã, pera, algo de pêssego. Muito sensível às doenças da umidade e calor como o oídio a Gouveio dá-se muito bem em locais quentes e secos e mesmo assim mantendo a acidez alta, daí ter migrado para o Alentejo, clima que ela adora e de presente leva acidez aos brancos de lá tão carentes neste quesito.

RABIGATO – JOVIALIDADE AO DOURO BRANCO 

uva-rabigato-4

A Rabigato é uma casta branca do Douro Superior, reina absoluta na composição dos vinhos do Porto brancos daquela  sub-região. Não deve ser confundida com a Rabo de Ovelha, uva do Minho, região dos Vinhos Verdes, não há a mínima ligação entre elas.

Sua contribuição aos vinhos do Porto Brancos do Douro Superior é sem nenhuma dúvida a sua acidez que traz vivacidade, frescura e, principalmente, jovialidade, muito em falta quando as temperaturas no verão atingem fácil os 40 graus Celsius, Sobre amadurecendo as uvas, aumentado o açúcar e, por consequência o álcool, mas carentes de acidez que nos traz a sensação de frescor na boca.

Aí entra a Rabigato para reavivar estes vinhos carentes de acidez (jovialidade). Os aromas são cítricos lembrando frutas de casca laranja como Tangerina, Laranja e algo floral. 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s