Merlot Alto das Figueiras 2011 – Alma Paixão e Prazer


dscn07371

Sempre me perguntam qual a uva que prefiro, se vinho branco ou tinto (esquecem) que tem o rose, os fortificados os espumantes e os vinhos de sobremesa.

Não me preocupo com uvas, países ou estilo de vinho quando penso no vinho que eu gosto. Eu penso sempre em quem fez o vinho. De onde vieram as uvas. Se elas estão adaptadas ao terroir. E, principalmente, qual a proposta do enólogo e do produtor do vinho.

Me interessam aqueles vinhos cujas uvas respeitam o terroir. Uvas que tenham sido colhidas no melhor equilíbrio possível. E, por fim, vinhos feitos com alma e paixão.

Os grandes vinhos, para mim, são aqueles que “converso” com os seus criadores quando abro a garrafa. Assim o é com este incrível Merlot 2011. Aliás, Merlot que venho acompanhando desde 2009 como veremos.

Agora um pouco mais do produtor, terroir, uva e deste vinho.

Toninho Czarnobay que recentemente ganhou um prêmio no último encontro brasileiro de vinhos, trabalha desde sempre com os vinhos. Por muito tempo dedicou sua experiência na Cooperativa Aurora e na última década vem assessorando produtores e desde uns tempos com sua própria produção em Encruzilhada do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil.

Em suas terras produz este Merlot, o Pedregais, um espumante 100% Chardonnay e recentemente lançou o Touriga Nacional. Seus vinhedos é ou estão em vias de receber o selo de Bio Dinâmicos

Sempre trabalhou com vinhos que tenham o seu DNA, sua experiência e seu modo de ver o mundo de Baco. Neste Merlot não foi diferente. Em anos ruins não vinifica.

Como disse venho acompanhando o Alto das Figueiras desde 2009 como podem ver pela foto.

merlot-alto-das-figueiras

A MERLOT

Uva de Bordeaux, França. Tida como internacional pela excepcional adaptabilidade com produtividade aos mais diversos terroir. Seu nome vem do pássaro Melro (para nós pássaro preto) a cor da casca lembram a negritude da sua asa. Uva que faz parte do corte tradicional bordalês com as Cabernet Franc e Sauvignon. Leva aos seus vinhos sedosidade, taninos agradáveis, porém, presentes. Aromas frutados a florais. Saiba mais sobre ela:

A SEDOSIDADE DA MERLOT 

O TERROIR DESTE VINHO

Mesmo sendo uva que se amolda aos mais diversos locais, por certo há aqueles em que ela demonstra seu esplendor. 

serra-do-sudeste

E um destes locais no Brasil é a Serra do Sudeste. LEIA AQUI SOBRE TERROIR. 

Ao sul do Brasil em sentido sudoeste noroeste a região vizinha a Campanha apresenta-se completamente diferente. A região foi uma das primeiras a serem exploradas fora da Serra Gaúcha. Enólogos na década de 70 sob o comando das multinacionais que vieram para o Brasil a procura de terras para plantar vinhas exclusivamente para os espumantes logo precisaram de mais espaço para plantar.

A combinação de pouca chuva, invernos rigorosos, altura considerável dos vinhedos, muito sol no verão com noites frias é ideal para as uvas, principalmente as tintas e as brancas. Noites mais frias no final da maturação do fruto faz com que a videira descanse a noite. Este descanso retarda a colheita em até 20 dias. Quanto mais lenta a maturação do fruto melhor a fixação dos taninos (tintas), aromas e açúcares e mantendo índices ótimos de acidez nas brancas. Ali a Merlot encontrou um de seus berços adotivos no Rio Grande do Sul.

A BODEGA CZARNOBAY

Como disse o produtor e enólogo preza por seu amor aos vinhos e produzi-los somente em safras de qualidade. São poucos hectares com Chardonnay, Merlot, Touriga e algumas uvas experimentais como a Ancelotta. Vinifica ali mesmo seus vinhos. Somente o espumante que será elaborado, por razões econômicas, na Serra Gaúcha.

008

Vejam os vinhedos. E a “enorme” vinícola onde são elaborados os vinhos tranquilos.

014

Todo o carinho possível. Para produzir um Merlot da mais alta gama.

O VINHO

Um show de terroir, elaboração e uva. Quando em perfeita harmonia temos um vinho como este.

Delicioso, agradável, sedoso, perfumado e muito vivo ainda com seus 5 anos de vida. A prova mais do que perfeita de que trabalhando com carinho, dedicação e amor e, principalmente, respeito ao terroir teremos um vinho de exceção. Poucas garrafas muita qualidade.

Tão agradável quanto a voz de Ella.

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s