VINHO DE RIOJA – HISTÓRIA, UVAS E VINHOS


ESPANHA RIOJA BAJA 1

Rioja, uma antiga Denominação de Origem da Espanha. Cortada pelo rio Ebro, mais ao nordeste de Ribeira Del Duero também recebeu fortíssima influência dos Romanos e suas tecnologias de engenharia, vinificação e desenvolvimento para a época. Depois os Monges enólogos trataram de desenvolver e aprimorar o terroir, os vinhedos e os métodos de vinificação.

O vinho riojano como conhecemos hoje começa a ser desenhado na segunda metade do século 19 quando da fundação de centenárias vinícolas capitaneadas por enólogos como Luciano Murrieta. A proximidade do porto de Santander facilita a exportação para a América e Inglaterra, principais polos consumidores.

Até aqui pouca diferença com as vizinhas regiões de Toro e Ribeira del Duero. Forte insolação no verão, noites mais amenas a tinta Tempranillo comandando.

As diferenças em relação à Ribera Del Duero, estão no terroir, assim entendido como solo, clima, geografia e intervenção humana e na importância da branca Viura.

O corte clássico de Rioja leva a Tempranillo capitaneando, a Mazuelo e a Graciano.

E Rioja se divide em três partes bem distintas e com características bem próprias.

Alavesa, mais ao norte nas portas do País Basco e na encosta da serra da Cantábria. Rioja Baixa, mais ao leste e com vinhedos plantados em zonas de menor altura e Rioja Alta, mais a oeste.

Pouco mais de 100 quilômetros separam Haro a oeste de Alfaro a leste. E pouco mais de 40 quilômetros de largura. Os vinhedos em altura máxima de 700 metros.

OS VINHOS

A classificação dos vinhos seguem pelo envelhecimento em barricas de madeira. Destaco as etiquetas determinam os vinhos. Cada qual indicando a classificação, numeradas e coloridas.

GARANTIA DE ORIGEM

São vinhos de um ou dois de colheita que conservam características de vinhos jovem, frutados e refrescantes. Ou que não se encaixam nas outras categorias. Selo  verde.

CRIANZA

São os vinhos com três anos de safra e ao menos um ano em barricas de carvalho. Nos brancos 06 meses de barricas. Selo vermelho claro.

RESERVA

São vinhos selecionados com tempo de crianza mínima entre barrica e garrafa de três anos. Dos quais ao menos um de barricas. Nos brancos o período de estagio é de 2 anos dos quais o mínimo de 06 meses de barrica. Selo roxo.

GRAN RESERVA  

Vinhos de grandes colheitas com mínimo de 02 anos de estagio em barricas de carvalho e três de garrafa. Nos brancos 04 anos de estagio entre barricas e garrafas com seis meses em barrica. Selo azul.

Um bom Riojano Gran Reserva me lembra a profundidade de Neruda na voz de Paco.

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s