VERMENTINO – A BRANCA DA TOSCANA


VERMENTINO

A branca Vermentino dá as cartas no Golfo da Ligúria, Córsega, Sardenha e no litoral da Toscana. Uva branca de casca rosada.

Da mesma turma das outras brancas de casca avermelhada como a Gewürtztraminer e a Pinot Gris (Grigio), onde é colhida precocemente para garantir bons índices de acidez.

A Vermentino tida como prima das Malvasias, portanto, tendo ancestrais na Grécia.

No nariz vai-se do floral ao cítrico, na cor a característica âmbar, algo dourado. Na boca um vinho denso e levemente ácido.

No passeio por cidades medievais da Sardenha, como nesta foto, encontraremos um vinho feito com ela. Podes comprá-lo sem medo são fantásticos e casam-se muito bem com a culinária local baseada em frutos do mar.

Aqui no Brasil precisamos garimpá-la nas lojas especializadas. Recentemente apreciei o Solosole, (Só o Sol) produzido na Tenuta Poggio al Tesoro, em Bolgehri, no litoral da  Toscana, pela gigante Allegrini estabelecida em Valpolicella, norte da Itália.

Trata-se de um vinho espetacular, cor amarelo com tonalidades verde-oliva. Nariz que vai do floral até o cítrico. Na boca pura elegância, levemente encorpado, acidez média alta, final de gole muito prolongado.

Um vinho aromático, agradável e diferente. Para quem está cansado da ditadura da Chardonnay, experimente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s